Compartilhe no Facebook  Imprimir no Office Word

Ó SENHOR, Esperança de Israel! Todos aqueles que te deixam serão envergonhados (Jeremias 17:13).

MEDITAÇÕES SOBRE O LIVRO DE 2 CRÔNICAS (Leia 2 Crônicas 13:13-22)

O discurso de Abias foi proferido com um falso ar de superioridade. Bastou Jeroboão cercar Judá para colocar Abias e seu exército à prova.

Em poucos instantes, Judá seria atacado pela retaguarda e se veria à beira da derrota. No entanto, uma direção sempre permanece livre: a que aponta para o céu. Os clamores desesperados sobem ao Senhor; agora todo fingimento desapareceu.

A fé entra em cena. O exército usa uma estranha arma de guerra… estranha, mas bem conhecida na história de Israel: as trombetas (Josué 6:4; Juízes 7:18).

Era uma arma poderosa porque a fé dos que a empunham descansa sobre a Palavra divina e sobre Suas promessas sempre válidas (Números 10:9).

O clamor fervoroso não deixou de ser ouvido! O penetrante som falou ao coração de Deus sobre o perigo que Seu povo enfrentava. E sem dúvida falou solenemente ao coração dos homens de Jeroboão que estavam prestes a guerrear contra seus irmãos… e contra o Senhor.

O exército de Israel foi estraçalhado e humilhado (v. 18). Isso comprova que nem força (v. 3) nem astúcia (v. 13) podem derrotar a fé em Deus.