Compartilhe no Facebook

Atos 19:23-41

Havia em Éfeso um magnífico templo consagrado à deusa Diana e considerado uma das sete maravilhas do mundo antigo.

As visitas dos turistas e as miniaturas de prata vendidas como recordação davam grande lucro aos artesãos da cidade.

Evidentemente, a pregação do Evangelho prejudicava esse comércio, razão pela qual eles se uniram para proteger seus interesses, conferindo, hipocritamente, um pretexto religioso a tal oposição (Apocalipse 18:11).

Quantas pessoas, em vez de procurar ardentemente a verdade em relação à vida eterna, são detidas por considerações materiais ou pela opinião dos outros!

Ruidosos clamores se elevam a favor da deusa, provando que ela mesma é incapaz de assumir a própria defesa, apesar de sua pretensa majestade (comparar com 1 Reis 18:26-29).

Ainda que o mundo moderno se considere mais evoluído e esclarecido que antes, não fez nada mais que trocar deuses — mas o coração das pessoas não mudou:

Ídolos dos esportes, dos filmes, da música — as multidões de hoje em dia adoram e seguem os que lhes são apresentados pelo príncipe deste mundo, mestre na arte de extraviar almas.